De saco cheio da gripe…

O pulso ainda pulsa. 
O pulso ainda pulsa.
Peste bubônica,  câncer, pneumonia;
Raiva, rubéola, tuberculose e anemia;
Rancor, cisticircose, caxumba, difteria;
Encefalite, faringite. Gripe suína, leucemia.
E o pulso ainda pulsa.

 Do jeito que a população se mostra assustada, não há outra forma de cantar esta música dos Titãs. A letra escrita pelo Arnaldo Antunes, enumera diversas doenças e males que assolam a humanidade.

Estão nos vendendo a gripe suína como a pior das enfermidades existentes, mas o caso não é como parece. A taxa de mortalidade do vírus A H1N1 é de 0,1%. Isso mesmo que você leu. 0,1%. Seis vezes menor que o da chamada gripe comum. Ou seja, a cada 1000 pessoas infectadas, apenas uma morre. Mas esse é um dado que a imprensa não divulga, porque notícia ruim é que vende jornal e dá audiência a televisão.

As estatísticas mostram que morre muito mais gente de diarreia e verminose no Brasil por semana, do que em oito meses de gripe suína. No inverno de 2008 morreram 4 mil e 500 pessoas de gripe comum. Em 2009, são menos de 400 os mortos pela nova gripe.

 Há quem diga que esta cobertura alarmista da gripe A H1N1 serve para desestabilizar o atual governo Lula. Lembrando que o candidato favorito da oposição para as eleições de 2010 é o governador de São Paulo, José Serra, que já foi ministro da Saúde. Teoria da conspiração?

O pulso ainda pulsa. E o corpo ainda é pouco.

Anúncios

~ por Marcelo Rezende em 24/08/2009.

Uma resposta to “De saco cheio da gripe…”

  1. Meu namoraaaaado. Quase um Microbiologista

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: