Carnaval I

Ontem fui fazer uma gravação num evento da Fundação Roberto Marinho no bairro do Catete. O evento ocorreu durante todo o dia num hotel. Era uma espécie de treinamento para os professores do Telecurso 2000. Fato curioso ocorreu ao final do evento. Para haver uma maior socialização e inclusão do tema tratado no dia, encerraram o curso com um bloco carnavalesco em plena calçada (era uma centena de pessoas, ocupou apenas a calçada) com direito a charanga tocando marchinhas e tudo.

Eis que de repente, do nada, como uma entidade mitológica surge no meio do bloco um vendedor de cerveja. O cara apareceu de lugar nenhum com um carrinho com dois isopores repletos de latinha (na promoção R$2). E como num passe de mágica, grande parte dos presentes no bloco já se encontrava com uma latinha na mão. O interessante é que como o cara estava com um carrinho, ele andava junto com o bloco, um verdadeiro ambulante, enquanto um outro vendedor estava parado com sua barraquinha. O estático perdeu na disputa com o ambulante.

E se ameassasse chover, apareceria do nada outra entidade, o vendedor de guarda-chuva.

post escrito ao som de: Lost! – Coldplay (a música inglesa mais Olodum que tem! em clima de carnaval, ziriguidum)

Anúncios

~ por Marcelo Rezende em 20/02/2009.

Uma resposta to “Carnaval I”

  1. Iniciativa! Essa é a chave do sucesso.
    Rs…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: